Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Clima

Publicada em: 11/01/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Santa Catarina registra três mortes após temporais

Rádio Uirapuru
Créditos: Wellington Estefânio Gonçalves Gomes/Divulgação
Santa Catarina registra três mortes após temporais

Após apresentar o dobro do volume previsto de chuvas para o mês de janeiro nas últimas 48 horas, o estado de Santa Catarina continua em alerta para os danos causados e para possíveis novos temporais. Até o momento, três pessoas morreram em decorrência dos desastres e uma está desaparecida. A orientação da Defesa Civil do estado é que os cidadãos saiam de casa apenas em caso de necessidade, principalmente na região metropolitana de Florianópolis e demais cidades do litoral.

 

A expectativa de chuvas para o mês na capital catarinense, região mais crítica, era de 200 milímetros. Com o aumento dos temporais, em especial na noite de ontem (10), o volume pluviométrico de Florianópolis já atingiu os 400 mm.  Dois óbitos foram registrados na capital: o de um homem que fazia a limpeza de um bueiro durante a madrugada, que faleceu após cair e sofrer traumatismo craniano, e um cidadão que tentava atravessar uma enxurrada foi levado pelas águas.

 

Em Balneário Camboriú, um homem está desaparecido após ter sido sugado por um bueiro. Já ontem, no município de São João Batista, uma menina de 7 anos morreu após uma árvore cair na casa onde ela estava. A irmã dela, de 13 anos, ficou ferida, mas não corre risco de morrer.

 

Ao todo, 20 cidades de Santa Catarina estão em estado de alerta. Os últimos boletins emitidos pela Defesa Civil informam previsão de pancadas de chuva moderadas a fortes e condições de chuva persistente. A principal preocupação é com os deslizamentos de terra. Desde o início dos temporais, as autoridades têm alertado a população para que observem quaisquer danos em muros, árvores e encostas e procurem um abrigo. Na capital, dois locais foram disponibilizados para essa necessidade. Os Corpos de Bombeiros podem ser acionados no 193, e a Defesa Civil, pelo 199.

 

Devido aos transtornos estruturais, o trânsito de Florianópolis flui com dificuldades e a recomendação é que as pessoas tenham cuidado ao sair de casa. A previsão de chuvas, ainda que em um volume menor do que já houve, continua intensa até a noite de amanhã (12). Além dos municípios acima, estão em alerta para deslizamentos as cidades de Itapema, Governador Celso Ramos, Penha, São José, São Francisco do Sul, Antônio Carlos, Palhoça, Navegantes, Biguaçú, Itajaí, Santo Amaro da Imperatriz, Tijucas e Garopaba.

 

*Agência Brasil

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Ouça ao vivo

Jornal das Sete

com Ieda Almeida e Régis Leonardo

Segunda-Feira

das 07:00 às 07:50

ouça ao vivo

Você costuma procurar emergência hospitalar quando tem problema de saúde repentino?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas