Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Valdir Mello

  • Terça-Feira, 19/06/2018

    Codepas vai estudar alternativa para problema de impressão do ticket do estacionamento sem ser a isenção

    O funcionamento dos parquímetros do estacionamento rotativo pago de Passo Fundo voltou ao debate. ,durante o programa Repórter do Povo, ouvintes relataram que em algumas máquinas, como a que fica em frente aos camelôs, na Rua Fagundes dos Reis, as moedas são colocadas, engolidas, mas o ticket não sai. Problemas como este devem ser relatados para a Codepas, responsável pelo serviço, pelo 0800 601 1968 ou diretamente a um agente da companhia. Segundo o diretor presidente da Codepas, Tadeu Karczeski, normalmente o motorista terá a isenção do estacionamento por, pelo menos, 30 minutos. Hoje, o condutor que estacionar na área azul sem colocar o ticket recebe uma multa de R$ 20. Tadeu esclarece que é muito raro o parquímetro consumir a moeda porque ele é programado para a moeda não cair quando o crédito não for aceito. Mas admite que podem ocorrer problemas, especialmente em dias chuvosos, quando o papel acaba não saindo por causa da umidade. Geralmente o sistema da central acusa as situações adversas, mas quando a Codepas é avisada pelos contribuintes uma equipe vai ao local fazer a verificação. Hoje são ao todo 45 parquímetros na cidade. Tadeu ressalta que virou moda as pessoas ligarem para a central para não terem que pagar a taxa, por isso, a Codepas vai estudar uma nova alternativa para resolver esse tipo de problema.

  • Segunda-Feira, 18/06/2018

    Aeroporto Lauro Kortz vai continuar operando mesmo com as obras de ampliação

    Nessa semana deverá ser lançado em Passo Fundo, com a presença do governador José Ivo Sartori, o edital de licitação para a ampliação do Aeroporto Lauro Kortz. Os serviços, orçados em R$ 55 milhões, devem garantir a Passo Fundo um aeroporto moderno e que vai contribuir para a expansão da aviação regional no Rio Grande do Sul. Durante o programa Repórter do Povo e a Municipalidade de sábado (16), o secretário de desenvolvimento econômico, Carlos Eduardo Lopes da Silva, deu detalhes do projeto que será implementado. Segundo ele, o objetivo desde o início sempre foi de não fechar o aeroporto durante as obras e isso gerou um estudo técnico e de viabilidade muito profundo, principalmente pela questão da segurança. Entre o prazo de abertura da licitação até o fim das obras se estima um tempo de dois anos. Segundo Carlos Eduardo, se o aeroporto ficasse fechado nesse período corria-se o risco dos voos realizados serem transferidos definitivamente para outros locais. Pós reforma o principal benefício que o novo aeroporto vai proporcionar é uma ampliação de opções para que as empresas aéreas possam operar em Passo Fundo. O secretário explicou que atualmente o aeroporto possui apenas uma posição de pista para aviões o que impede a realização de mais pousos e decolagens. Com uma nova pista, novo pátio de manobras e mais segurança, será possível que até cinco aviões operem simultaneamente no aeroporto. A ampliação contempla a construção de um novo terminal de passageiros e de um novo pátio para estacionamento das aeronaves, além da recuperação da atual pista de pousos e decolagens.

  • Sábado, 16/06/2018

    Modificações nos sentidos das ruas da vila Annes passam a valer a partir de quarta-feira

    A Prefeitura de Passo Fundo informa que as mudanças da nova sinalização indicativa na Vila Annes passarão a valer a partir da próxima quarta-feira, dia 20 de junho. No início da semana a Secretaria de Transportes e Serviços Gerais irá finalizar a sinalização. A Guarda Municipal de Trânsito estará no local para orientar os motoristas.

    Confira o que vai mudar:

     

    - Rua Eduardo de Britto: passará a ter sentido único no trecho entre as ruas Silva Jardim e Jacinto Vilanova (no sentido Silva Jardim/Jacinto Vila Nova);

    - Rua Jacinto Vila Nova: passará a ter sentido único no trecho entre a rua Eduardo de Britto e a avenida Brasil (sentido Eduardo de Britto/Brasil);

    - Rua Antônio Araújo: passará a ter sentido único do trecho da avenida Brasil até a rua Nascimento Vargas (sentido Brasil/Nascimento Vargas).

  • Sexta-Feira, 15/06/2018

    Correios estimam perdas de R$ 150 milhões com greve dos caminhoneiros

    Os Correios tiveram prejuízo de pelo menos R$ 150 milhões com a greve dos caminhoneiros – as perdas vão desde a contratação de serviços extras até o conserto de veículos danificados. Os cálculos oficiais ainda estão sendo feitos e serão divulgados no balanço final do mês de junho, mas as estimativas foram antecipadas nesta quinta-feira  pela empresa. O valor de R$ 150 milhões estimado pela empresa representa pouco mais de 10% da receita mensal obtida pela empresa no ano passado, que foi de R$ 1,4 bilhão, em média. Segundo os Correios, os prejuízos foram causados por diferentes fatores, como, por exemplo, objetos que não foram entregues, o que levou à queda no número de postagens.

  • Quinta-Feira, 14/06/2018

    Com a presença de Sartori, assinatura para licitação das obras no Aeroporto de Passo Fundo deve ocorrer na próxima semana

    A assinatura para a licitação das obras de ampliação do Aeroporto Lauro Kortz de Passo Fundo deve ocorrer na próxima semana, provavelmente na sexta-feira . A informação foi confirmada ao vivo na Uirapuru nesta quarta-feira, pelo prefeito Luciano Azevedo. Ontem, em Brasília, ele recebeu o documento em que o governo Federal autoriza o Estado a contratar o serviço de ampliação do aeroporto. Segundo o prefeito, o governador José Ivo Sartori deverá vir a Passo Fundo fazer a autorização para a publicação do edital. A expectativa é de que a obra seja iniciada no segundo semestre deste ano. Contou que, com recursos de R$ 55 milhões, a ampliação do Lauro Kortz deve ser o maior investimento da União neste ano no Rio Grande do Sul. Luciano Azevedo ressaltou que, muito provavelmente, o aeroporto será o primeiro do país a ter obras do Programa nacional de Aviação Regional, devido a sua importância. A reforma e ampliação do aeroporto de Passo Fundo prevê novo terminal de passageiros, esteira de carregamento de bagagens, instalação de equipamentos para melhorar os pousos e decolagens das aeronaves, ampliação das cabeceiras, novo pátio de aeronaves e pista de taxiamento para até cinco aeronaves.

Pesquisar artigos anteriores

O clima de incertezas que vive o país pode interferir no interesse do torcedor brasileiro na Copa do Mundo?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas