Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Meio Ambiente

Publicada em: 03/03/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Projeto Parque Estadual de Uso Sustentável é apresentado na UPF

Rádio Uirapuru
Créditos: Gelsoli Casagrande /UPF
Projeto Parque Estadual de Uso Sustentável é apresentado na UPF

A Universidade de Passo Fundo (UPF) sediou, nesta terça-feira, 27 de fevereiro, na Sala dos Conselhos da Reitoria, a apresentação do Projeto Parque Estadual de Uso Sustentável, que integra o projeto do Complexo Berço das Águas. Representantes do governo municipal e de diversas entidades de classe e de proteção ao meio ambiente participaram do encontro.


De acordo com o reitor da UPF, José Carlos Carles de Souza, a Universidade foi procurada pelo Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (Gesp) e pela Agenda 21 para contribuir com o movimento de defesa e criação de um parque do Complexo Berço das Águas. “Dentro do Complexo, há uma área conhecida como Fazenda da Brigada Militar, que pode vir a ser leiloada, contudo, nós queremos que essa área permaneça acessível ao público, servindo à nossa comunidade. A UPF está presente em todos os movimentos, por isso, não podemos permitir que essa área seja vendida para iniciativa privada; queremos que ela permaneça como área pública, servindo aos interesses da comunidade de forma sustentável, de modo que sejam preservadas as nascentes do local”, explicou.


Segundo o ecologista da Agenda 21, da Assembleia Permanente pela Preservação Ambiental (APPA) e integrante do Gesp, Paulo Fernando Cornélio, há mais de 30 anos o movimento ecológico de Passo Fundo tem trabalhado com a área, atualmente chamada de Complexo Berço das Águas, que é de suma importância ambiental e econômica, não somente para o desenvolvimento de Passo Fundo, mas também da região, eis que abrange mais de 200 municípios. “Há, naquele espaço físico, nascentes formadoras de quatro bacias hidrográficas. Junto com esse complexo, está a Fazenda da Brigada Militar, que é nosso foco fundamental para preservação. Próximo ao aeroporto, também há o parque Wolmar Salton e a barragem de captação de água, com as nascentes do rio Passo Fundo e do arroio Miranda. Tudo isso faz com que essa seja uma área de extrema importância para todos e, por isso, a necessidade de preservação ambiental”, destacou.


O prefeito de Passo Fundo Luciano Azevedo destacou a importância da mobilização da sociedade. “A Fazenda da Brigada Militar obviamente precisa ser preservada pela sua história, suas características, pelo interesse público e social e pela questão ambiental. É compromisso da Prefeitura estar ao lado da ideia coletiva de preservação da Fazenda da Brigada Militar”, afirmou.


Projeto


Durante o encontro, diversos representantes explanaram sua posição sobre o projeto. Um resgate histórico sobre a área foi apresentado. As entidades destacaram a importância da Fazenda da Brigada Militar para preservação e apontaram a necessidade de ações, haja visto que o governo do estado, devido à crise financeira, vem realizando a venda de patrimônios públicos, podendo a Fazenda da Brigada futuramente também ser vendida, colocando em risco a preservação do local.


O projeto apresentado propõe a valorização do espaço ecológico natural, reconhecendo o corredor ecológico Complexo Berço das Águas; a construção de processos de gestão compartilhada; e o destaque para o potencial de plantas bioativas de Passo Fundo e região. A proposta também prevê ações para referência no salvamento e na soltura de animais silvestres; destacando também o potencial turístico cultural ambiental de toda a região. 

 

Também participaram da discussão do projeto a vice-reitora de Graduação da UPF Rosani Sgari; o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação Leonardo José Gil Barcellos; o vice-reitor Administrativo Agenor Dias de Meira Junior; o promotor público Paulo Cirne; o comandante do 3º RPMon major Paulo César de Carvalho; o procurador geral do estado Rodinei Candeia; além de secretários municipais e representantes de diversas entidades.


Grupo de trabalho


Ao final do encontro, os participantes criaram um grupo de trabalho formado por representantes de instituições e entidades como UPF, Gesp, Agenda21, Prefeitura Municipal de Passo Fundo, Brigada Militar, Ministério Público, Procuradoria do Estado, entre outras.


O grupo discutirá ações para preservação da Fazenda da Brigada Militar, debatendo um modelo jurídico para que a área permaneça de interesse público, e definindo novas atividades para efetivação do projeto do Parque Estadual de Uso Sustentável.


Passo Fundo: Berço das Águas


Passo Fundo é berço de cinco das 25 bacias hidrográficas do estado, onde nascem águas que abastecem e são responsáveis diretas pelo desenvolvimento de 61% dos municípios gaúchos: 302 dos 496. Em uma grande área situada no interior da cidade, no distrito de Povinho Velho, entre Passo Fundo e Mato Castelhano, existe uma vereda de pequenas nascentes que são as formadoras das bacias do Passo Fundo, Alto Jacuí, Apuaê-Inhandava e Taquari-Antas.


Pequenos banhados se desmembram em quatro braços diferentes, que seguem destinos contrários. Um dos braços vai formar, depois de percorrer mais de 100 quilômetros e se juntar a dezenas de rios e riachos, a grande bacia do rio Jacuí, que contribui com 85% das águas formadoras do Lago Guaíba. Em outro ponto do município, não muito distante do primeiro, outras nascentes dão início à quinta bacia hidrográfica com berço na cidade, a do rio da Várzea.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

O clima de incertezas que vive o país pode interferir no interesse do torcedor brasileiro na Copa do Mundo?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas