Ouça agora

Rádio AM 1170 Rádio FM 102.5

Ouça pelo celular



Rádio Uirapuru - Segurança

Publicada em: 16/04/2018 , por Jornalismo Rádio Uirapuru

A A A

Criadora da Patrulha Maria da Penha fala à Uirapuru sobre importância de capacitar as mulheres vítimas de violência

Rádio Uirapuru
Créditos: Governo do Estado/RS
Criadora da Patrulha Maria da Penha fala à Uirapuru sobre importância de capacitar as mulheres vítimas de violência

A lei 11.340, mais conhecida como Lei Maria da Penha, veio para incentivar e dar segurança à mulher vítima de violência doméstica a denunciar o seu agressor. Ela trouxe como grande avanço as medidas protetivas de urgência, com afastamento do agressor do lar. Mas para a criadora da Patrulha Maria da Penha do Rio Grande do Sul, Nádia Gerhard, é preciso observar o contexto da violência, que está presente em todas as faixas etárias e classes sociais.

 

Em conversa com a Uirapuru, durante compromisso em Passo Fundo, no último sábado (14), Nádia contou que a maioria das vítimas não possui ensino fundamental completo ou qualificação profissional, além disso, tem filhos com o agressor, sendo dependente econômica e emocionalmente dele. A legisladora falou que os municípios, bem como o Estado, precisam capacitar essas mulheres, disponibilizar creches com horários estendidos para que possam deixar os filhos enquanto trabalham e oferecer a elas assistência social para aumentar a sua autoestima. Nádia destacou que enquanto essa mulher vítima não for protagonista da sua própria história ela não vai conseguir sair do ciclo da violência. Por isso, salientou a importância das cidades, como Passo Fundo, organizarem palestras em locais com maior vulnerabilidade para empoderar as mulheres com informações.

 

A vereadora Nádia disse que isso não irá fazer um bem só para o grupo familiar da vítima, mas para a comunidade onde está inserida e para a economia local. Segundo ela, hoje 2,4% do PIB Nacional é gasto somente com a questão da violência doméstica, com polícias, justiça, defensoria pública e outros. Afirmou que os municípios se dando conta de que há necessidade de ter órgãos que trabalhem nessa questão, a tendência é melhorar para todo mundo.

 

Nádia Gerhard foi a primeira mulher a comandar um batalhão da Brigada Militar no Estado e na capital. Hoje é vereadora de Porto Alegre.

Comentários

A Rádio Uirapuru não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Ouça ao vivo

Comando da Madrugada

com Caroline Secchi

Sexta-Feira

das 00:00 às 06:00

ouça ao vivo

Você acha que Passo Fundo é uma cidade segura?

Copyright © 2018 Grupo Uirapuru . Todos os direitos reservados. Parceria Sistemas